sexta-feira, 12 de abril de 2013

Eu Li : Irônico


      Normal sou eu. Sou eu me aborrecendo com as pessoas dizendo que não são normais, que são "diferentes" da maioria. Normal sou eu tomando meu chá e ouvindo meu grunge alto na sala de estar, sou eu acordando ás duas da tarde, lendo literatura estrangeira ou mudando de canal distraidamente, pateticamente. Tomando meus três banhos diários e curtindo essa chuva que eu gosto, e como eu gosto. Irônico é meu almoço no lugar do café da manhã. É meu olhar debochado depois do comentário de uma pessoa desprovida de massa encefálica. Sou eu querendo ficar trancada no apartamento quando aquele dia bonito, aquele céu azul e aquele puta sol tá me chamando pra sair, sou eu escrevendo uma frase de efeito pra dizer numa entrevista quando eu vir a ser famosa. Ou eu chegando tarde em casa depois de uma noite de bebedeira. Irônico sou eu vestindo azul e sentindo saudades. Irônico mesmo é você sorrindo feliz, andando por aí com um outro alguém, depois de todos sacríficios que eu fiz. Irônico mesmo vai ser sua vontade de me abraçar, de me beijar e quando enfim você resolver voltar, meu peito vai tá fechado e eu já vou ter deixado de lembrar, de todos aqueles dias, daquela música, deixado de te amar.

Autor : 
Katiuska Pellegrini e dona do blog Instantes antes, etudo que sei é que ela mora em Itu, São Paulo. Ela escreve textos lindos e bem expressivos.