sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Já é sexta


  Eu não sei o porque, mas a dias que passo a madrugada acordada, olhando o tempo passar, sem fazer nada.  Mas, Hoje passou como um foguete. quando olhei o relógio me assustei até. 

 Como assim já são 5 da manhã ? já e outro dia ? já e sexta ? Os pássaros já  cantam e o meu avô já esta levantando.  

  E o pior, e saber que só estou vendo esse tempo passar, como uma ventania. Sem fazer nada. Meus dias estão completamente vago. Nem minha mãe que sempre me acorda, estar aqui. 

  Essas madrugadas só servem para fazer-me com que eu veja que meu passado esta cada dia mais longe. Que aquilo que imaginava noites e noites não irá acontecer, ou, irá demorar mais dias. 

  Até que e bom, refletir sobre assuntos na calada da noite sem ninguém para desviar atenção, sem ninguém para me falar que e só um sonho. Talvez eu goste desse silêncio. Talvez eu seja melhor nas madrugadas vagas e pensativas. 

  Tenho que ir pois o sol já estar de volta, e tenho um dia para ver passar.